É com poesia
que traço meu dia a dia.
Misturo fantasia
com realidade.

Com toda naturalidade,
ando com caderno
e caneta em punho.

Cada ideia encontrada,
depois de trabalhada,
eu solto na estrada.

A.J. Cardiais
14.05.2014