Apenas um instante
(de William Adriano)

E que as lágrimas durem apenas um instante
Pois elas não foram feitas pra ficarem guardadas
Tudo é manifesto, tudo flui e tem vida interior

E que as tristezas da vida sejam suportadas
Com a maestria do molejo da sensibilidade
E que nos sirvam de lição cada uma das cicatrizes

Cada olhar omisso se abra como uma flor
Cada palavra rude se desfaça num abraço
E que cada dor seja vencida pela paciência

No tempo certo
Tudo há de se revelar

As lágrimas secarão
Os olhos começarão a ver
E os pés descansarão

Os sonhos do porvir finalmente se manifestarão
E a alegria nascerá com os primeiros raios do sol


http://canticospelapaz.blogspot.com/
Copyright © 2011. Todos os direitos reservados.