A Canção

20 de Outubro de 2011 Rafael Otávio Modolo Poesias 684

Alcei meu voo sobre a terra,
Atravessei tribos em guerra,
Bebi cálice de fel,
Dormi ao relento, sob o céu...
Por desertos sucumbi,
Em mares quase morri,
Buscando sempre um tesouro,
Nem prata, nem bronze, nem ouro...

Conheci potentes guerreiros,
Sábios cancioneiros,
E em meu caminhar,
Descobri que viver é amar...

Em você conheci a canção,
Entoada nos céus e no chão,
Na voz dos anjos como trovão,
Suave como algodão...
Deus me deu o caminho seu,
E em mim luz acendeu,
Para um amor infinito,
De um casal pra sempre unido!

Com você chorei, ri, sorri...
E escohi...
Eu amo você como nunca amei, nem vou amar outra pessoa...
Pois em meu coração, seu nome para sempre ressoa !






____________________________________________________

SIGA-ME NO TWITTER: @RafaBotty
_____________________________________________________

Esse texto está protegido por direitos autorais.
Cópia, distribuição e execução são autorizadas desde que citados os créditos.

Leia também
"Estou triste" há menos de 1 hora

A noite se instala em mim. Lá fora, apenas o silêncio da noite e o teu o...
joaodasneves Poesias 4


"Estou cá a matutar" há menos de 1 hora

Esses dias ando meio triste muito confuso, ando a querer isolar-me, f...
joaodasneves Pensamentos 4


A Humildade nos Cai Bem há 5 horas

Se o domínio total é do Senhor, porque o poder pertence a ele, isto dever...
kuryos Artigos 8


Fuga da Inspiração há 6 horas

Preciso terminar um poema que comecei numa empolgação danada... Dep...
a_j_cardiais Poesias 39


Um Dilema há 7 horas

Estou aqui reclamando da minha "vidinha", enquanto tem alguém por aí que...
a_j_cardiais Poesias 37


Hebreus 3 - Versículos 7 a 11 – P 6 há 9 horas

John Owen (1616-1683) Traduzido, Adaptado e Editado por Silvio Dutra ...
kuryos Artigos 15