Tua cor
(de William Adriano)

Olho para a imagem projetada na minha mente
Fecho meus olhos pra poder então compreender
E são tantas cores no caleidoscópio do teu olhar
Que fico perdido em saber como então começar

No azul do céu dos teus cabelos
Percebo a imensidão do oceano
E pelos rios pardos do teu olhar
Navego com o pincel pela trama

No amarelo febril da minha timidez
Acidentalmente borro o canto da tela
Com a minha face em tom vermelho
Anonimamente apago minha rubrica

http://canticospelapaz.blogspot.com/
Copyright © 2011. Todos os direitos reservados.