Quem é?
(de William Adriano)

Quem é?
A essa hora da noite...
Quem bate?
No punho e no açoite...

O que quer de mim?
Não decifro o Morse do teu coração
Não vê que minha porta está aberta

Espere a claridade da manhã
E apenas apareça na soleira
Deixe que a luz ilumine a tua face
E sem palavras apenas me abrace

Mas se você for apenas passante
Por caridade apenas um instante
Deixe uma rosa no portão
E desfaça o laço da ilusão


Copyright © 2012. Todos os direitos reservados.
http://canticospelapaz.blogspot.com/