ENAMMORADO

18 de Junho de 2011 SUPERTOR4 Poesias 37

ENAMMORADO

jTorquato - O alagoano



Uma noite, uma luz, janela ao alto.

Olho o olhar apaixonado, mental, vejo seu sonho.

Por entre dobras do lençol, invisto minha mão acaricio-te,

mais abaixo, na rua, minhas mãos se abraçam nervosas.

Dormes a correr comigo por algum raio lunar

Corro a dormir consigo, para te alcançar.

Ó lua enamorada, não te vás.

Ensina-me o segredo de correr no sonho dela

>
Postado por josé

Esse texto está protegido por direitos autorais.
Cópia, distribuição e execução são autorizadas desde que citados os créditos.

Leia também
A Morte Em Cartaz, Cap 1 há menos de 1 hora

Prólogo Periferia de Atlanta, Quinta-feira, 23hrs:17min Marion re...
lordemoura Acrósticos 6


Sociedade Desalmada há 1 hora

Sou um ser muito sensível... E ser sensível é horrível, no meio desta...
a_j_cardiais Poesias 25


LUSO-BRASILEIRO - Des-História Universal há 4 horas

LUSO-BRASILEIRO Assim como a cor d'olho não colore Aquilo que se tem ...
ricardoc Sonetos 6


Uma Tal Pedra há 21 horas

No meio do caminho de muitas famílias, agora tem uma pedra... Tem uma...
a_j_cardiais Poesias 24


Mundo da Gataria há 22 horas

Gato criado com mordomia, não conhece o mundo da gataria. Não sobe nos...
a_j_cardiais Infantil 45


A história do amor há 22 horas

A história do amor O amor sempre existiu Em muitas formas Em várias ...
pfantonio Poesias 35