Ao ver-te, sinto ainda meu coração
Palpitar e dizer teu nome!
Ao ver-te, ele dispara e bate num
Ritmo acelerado como se pedisse socorro!
Nada do que eu diga trará o que vivemos!

Nada do que eu faça lhe demoverá
De sua decisão!
Respeito isso. Não concordo, mas respeito.
Fico com as lembranças boas
E também as más.

Pois servirão de reflexão
Para não repetir os mesmos erros!
Ter podido um dia ter-te em meus braços
Valeu tudo o que vivemos.
O prazer gerado; a alegria do beijo.

Tudo foi válido e nada será rejeitado
Valeram os momentos que para mim
Serão lembrados sempre!
Eternizados no teu sorriso e no teu abraço.
Afinal, amar nunca será em vão!