Mais de Cristo, Menos de mim Mesmo

24 de Abril de 2017 Pr CJJacinto Poesias 284


Mais de Cristo, menos de mim mesmo
Mais de seu sacrifício, menos de meu conforto
Mais de Cristo menos de mim mesmo
Mais de sua humildade, menos do meu orgulho
Mais de sua cruz, menos de minhas obras mortas
Mais de Cristo, menos de mim mesmo
Que ele sempre cresça e eu desapareça
Que Ele Seja exaltado e eu diminuído
Que ele seja tudo e eu dependente dEle
Mais de Cristo, menos de mim mesmo
Mais do seu caráter e menos de minha hipocrisia
Mais de sua perfeição e menos de minhas falhas
Mais de sua coragem e menos de minha timidez
Mais Confiança nEle, menos apego aos homens
Mais de Cristo, menos de mim mesmo
Que Ele tenha a proeminência, não eu mesmo
Que seja feita a vontade dEle, e não a minha vontade
Que haja mais ensino dEle, e menos minhas opiniões
Que Ele seja mais exaltado e eu menos auto-idolatrado
Que ele seja pra sempre Salvador de mim mesmo, imerecido.
Mais de Cristo na bendita redenção e nada de mim mesmo...

CLAVIO JACINTO

Esse texto está protegido por direitos autorais.
Cópia, distribuição e execução são autorizadas desde que citados os créditos.

Leia também
SETE ESTROFES INCONDICIONAIS há 3 horas

SETE ESTROFES INCONDICIONAIS não importa que me tomes ...
ricardoc Cirandas 9


A PROFECIA há 11 horas

Andava tranquilamente pelas ruas da cidade, de calça jeans e camisa branca...
juniorcampos Prosa Poética 10


LINDO BRILHO há 11 horas

Ontem olhei para o céu, brilho forte das estrelas, lembrou-me teus ol...
juniorcampos Poetrix 7


TRAQUINAS há 2 dias

TRAQUINAS Dizia o pai de seu pai: -- "Deixa esse menino ser criança!" ...
ricardoc Poesias 18


Padrãozinho na Sociedade. há 2 dias

Apenas mais uma despercebida na sociedade, anda pelas ruas solitárias de S...
baecchin Pensamentos 21


Cortinas Do Tempo há 2 dias

Abriu se a cortina do tempo E o sol da minha vida começou brilhar Diante...
tonyramos Letras de Música 11