É a Vida

Um dia após o outro serve para aprendermos a amadurecer, forçadamente ou não...
Cada um resiste da sua forma, e persiste conforme a força que há dentro de si, e desiste se assim achar que deve, mudanças não são fáceis de se fazer, nem muito menos de aceitar, mas são necessárias...
Os nossos órgãos agradecem principalmente o coração, que emana sentimentos profundos, ás vezes confusos por causa da nossa mente, que produz pensamentos que ao menos não tão certos nos deixam a ver navios, por vezes naufragamos em nossos próprios erros, mas são nossos, mas para o outro se tornam erros gigantescos...
Amar não tem sido nada fácil, tem sido tarefa difícil, o coração não quer mais enganos, não quer mais cicatrizes e muito menos band-aid como curativo...
A vida ela consiste em verdade, fidelidade, amor e humanismo, sem os quais não resistiríamos à vida dura do dia-a-dia, nem para nós, nem para o próximo, no hoje aprendemos detalhes, no após aprendemos a fazer retalhos, no após do após decidimos se realmente precisamos passar por remendos, é uma vida, só uma vida para viver, então viva intensamente, sem barreiras e nem impedimentos, para depois não haver lamentos.
Um dia após o outro é para viver e se permitir isso, o cansaço sempre chega tarde ou cedo demais, mas o sinal vermelho sempre chega na hora certa... Quem conduz os dias somos nós mesmos. Viva e não se deixe levar pelos enganos, siga com as certezas que só você pode ter. O sentido da vida é VIVER.