Não sei como é que a morte
irá me levar...
Se eu tiver sorte,
ela me levará dormindo.
Então morrerei sorrindo...
Sonhando que estou partindo,
quando na verdade já parti.

Se eu tiver sorte também,
ela me levará quando eu estiver
escutando música.
Aí morrerei sentado.
Quando todos pensarem
que estou dormindo,
já passei para o outro lado...

Amiga Morte,
quero morrer forte!
Não quero morrer definhando
ou então lutando
para continuar aqui.

Eu quero, de uma vez, partir.
Depois eu volto
pra dizer que eu morri.

A.J. Cardiais
01.01.2010