Dama dotada de atrativos tantos,
Desejo-te mais do que deveria;
Vens em meu sono, meu corpo, meu dia,
Tomas teu homem com enchente de encantos.

Moça da mente que me intriga ler,
Teus ângulos, beleza incalculável
Quero toda: constante e variável!
Tua equação-fêmea, meu grande prazer.




- - -
msalgadosp@gmail.com