Talvez por não ser suficientemente forte,
Ou madura para entender
Tenho pensamentos vagos,
Filosofando por assim dizer,
Mas o conteúdo que pronuncio,
É a sinceridade do coração
E o que tenho observado
Por anos de solidão,
Seria muito clichê,
Falar apenas das coisas belas,
Mas de último momento, a ignorância me pareceu certa,
Algo que não precisamos refletir, nem nos preocupar,
Sentir apenas, poder descansar,
Mas a ideia caiu por terra
Despertada pelo discernimento
Ou até mesmo pelos próprios pensamentos
Resolvi então viver, viver sem pensar, pensar em viver.