No mar adentro, perdido por horas.
Perdido por dias, aquele que chora.
Sobre o Mar-tírio do mar ele sente saudade.
A vontade de voltar.
Mas quando o farol chama,
Acende o coração.
E aquele marinheiro não estará mais perdido.
Sabe onde está o norte.
E que irá voltar pra casa.
Deixando para trás.
A morte do mar.