Como irei amar um dia
Se o amor me desfaleceu
Vivo em mundos distantes
Na tristeza crepuscular
Na solidão do inverno
Meu coração se desfez quando você se foi
Tempo fechado
E como faz frio
Tudo é gélido em mim
Tranquei as portas de minha alma
Janelas fechadas
Não deixo mais a luz entrar
O passar dos dias pesam sobre mim
Recordações, fatos, fotos, versos, solos musicais
Convite para dor
Penso em ir embora
Penso em tantos desvarios
Passo noites em claro e dias no escuro
Contradição cotidiana
Saudade em demasia
Dias cheios, sensações vazias.