O mundo gira

03 de Setembro de 2013 Rennan Leta Poesias 213

Quem ontem era amor
Hoje é indiferente
E quem não te dava valor
Hoje só quer te ver contente.

O mundo sempre gira
E vacilão sempre roda
Uma nova chance vira
Toda vez que a gente acorda.

O que vivia de nariz em pé
Menosprezando as pessoas
Agora é só um qualquer
Seu nome, ninguém ressoa.

Aquele você zomba atualmente
Um dia você pode amar
Mas de forma descontente
Vai olhar e esnobar.

Alegria em um momento
No outro, solidão
Quem antes era um tormento
Pode vir ser solução.

Não sabemos o que pode acontecer
O amanhã é uma novidade
Pra depois não se arrepender
Aja sempre com humildade.

Esse texto está protegido por direitos autorais.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem permissão do autor.

Leia também
"Minha humilde casinha" há 1 dia

Tenho na minha casa Quatro cadeiras e um colchão Uma mesa, e roupas pelo...
joaodasneves Poesias 14


Se Poema For Oração há 2 dias

Senhor, este poeta perdido vem Vos fazer um pedido: dai-me Vossa paz. ...
a_j_cardiais Poesias 54


"Bailei com a solidão" há 2 dias

"Bailei com a solidão" A beira do mar espero a Solidão E escuto ja o ...
joaodasneves Acrósticos 13


Perseverar Até o Fim – Parte 1 há 2 dias

Por Charles H. Spurgeon (1834-1892) Traduzido, Adaptado e Editado por Si...
kuryos Artigos 14


Perseverar Até o Fim – Parte 2 há 2 dias

Por Charles H. Spurgeon (1834-1892) Traduzido, Adaptado e Editado por Si...
kuryos Artigos 10


Separação há 2 dias

Pensei que separação fosse fácil... Que fosse só deixar seu amor, e ...
a_j_cardiais Poesias 50