Não é fácil ser como eu sou
Não peço que me entenda
Mais imploro compreenda
Tudo que eu faço é por amor.

Às vezes me sinto tão fraca,
Isolada,desanimada
Por tentar me encontrar
Te encontrar...

Arranjo mil razões
E mil desculpas
Pra ao menos convencer
Esse meu peito angustiado,
Maltratado,corroído...
Que mesmo amando desse jeito
Um jeito bobo,
Eu compreendo,
E esses motivos?
Os meus defeitos...

É esse ciúme que me cega,
Me aleija,
Me corrompe,
Me destrói...
E o que é pior,
Eu ao menos consegui te confessar,
Mesmo de longe eu sofro tanto por te amar.