Pulsa como um coração/ POemas para curtir

02 de Outubro de 2013 wernk Poesias 625

Em frente a uma praça me sento.
Observo em silencio.
Pessoas que vão e vem.
Passos firmes segue por caminhos que para mim, são desconhecidos.
Olhos atentos, para não perder o tempo, ao longe vem aqueles que olham em seus pulsos, seus relógios, ponteiros girando lentamente.
Alguns passam alegremente, sorrindo, despercebidos, outros envolvidos em assuntos, que fazem de alguma forma, seus semblantes despertarem sentimentos curiosos.

Vejo arvores que estão frondosas, e de seus galhos caem folhas secas, são levadas pelo vento.
O sol está cálido, e embaixo desta sombra tão refrescante, aprecio a vida diante de mim, que pulsa como o coração, batendo no peito.
Nas cirandas da vida, tudo muda, como um sopro.
Respiro então profundamente, e olho para cada sorriso, e continuo a observar.
Para que mais e mais, eu possa aprender, que em meio a tanto mistérios,a vida é bela, e esplendorosa.

Esse texto está protegido por direitos autorais.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem permissão do autor.

Leia também
Lembra? há 2 dias

Quando o tempo nós pertencia dia e noite não existiam? Quando ainda...
enidesantos Poesias 21


Principio há 2 dias

Toda a humanidade repelida da perfeição Privada da perspectiva da ...
enidesantos Poesias 13


Viandar há 2 dias

Viver e caminhar eu gosto de tudo que a vida me da Gosto de viver e ...
enidesantos Poesias 11


Fluxo do tempo. há 2 dias

Boca devoradora do tempo que tudo vai apagando varrendo da vida todo o en...
enidesantos Poesias 14


Sou há 2 dias

o que quero e onde quero Meu palco é a vida Dela faço brotar o pr...
enidesantos Poesias 12


Ame...! há 2 dias

Apenas ame Não se infecte de amor Infecte-se de vida Queira vida D...
enidesantos Poesias 11