Aromas

28 de Outubro de 2013 Marco Tisi Poesias 305


AROMAS



Fui visitar
o Parque que tem aqui perto,


ainda não o
tinha descoberto,


fui lá mais
pra atender um conselho,


conselho de
uma Senhora Baiana do Além,


é o tipo do
conselho que não se deve ter desdém .



Me
aconselhou a andar descalço na terra,


pra
descarregar impaciência da Alma,


e assim o
Coração ter mais calma.



Mas do que
mais gostei foi do Aroma


que me
remeteu os anos de criança,


quando ia
pro Horto Florestal,


de Trem com
seu Apito,


pra sentir o
aroma do Eucalipto.



Incrível o
poder dos Aromas,


que nos
fazem ter os sintomas,


das Saudades
boas,


dos Amigos,
agora tão distantes.



Agora que
descobri


o Parque
daqui,


irei mais
vezes lá,


pra andar na
terra descalço,


pra caminhar
pelas alamedas,


sentir do
Eucalipto seu Aroma,


ouvir da
Passarada seus cantos


com muita
pompa.



Beleza de
Parque Arvoredo,


lugar
tranquilo com seu enredo,


viveiro de
Passarada cantante,


com seu
Aroma estonteante.




Marco
Aurelio Tisi



( 28/10/2013
)



Leia também
A Humildade nos Cai Bem há 3 horas

Se o domínio total é do Senhor, porque o poder pertence a ele, isto dever...
kuryos Artigos 7


Fuga da Inspiração há 4 horas

Preciso terminar um poema que comecei numa empolgação danada... Dep...
a_j_cardiais Poesias 38


Um Dilema há 4 horas

Estou aqui reclamando da minha "vidinha", enquanto tem alguém por aí que...
a_j_cardiais Poesias 37


Hebreus 3 - Versículos 7 a 11 – P 6 há 7 horas

John Owen (1616-1683) Traduzido, Adaptado e Editado por Silvio Dutra ...
kuryos Artigos 12


Hebreus 3 - Versículos 7 a 11 – P 5 há 7 horas

John Owen (1616-1683) Traduzido, Adaptado e Editado por Silvio Dutra ...
kuryos Artigos 9


Hebreus 3 - Versículos 7 a 11 – P 4 há 7 horas

John Owen (1616-1683) Traduzido, Adaptado e Editado por Silvio Dutra ...
kuryos Artigos 10