O ménage a Vinicius de Moraes

29 de Outubro de 2013 Fernando Lancaster Poesias 337

A experiência tripla exalta-me
Três como um, a tríplice aliança
Cada um a lutar pelo corpo do outro
Por debaixo das cobertas em dia de verão

A santíssima trindade
Em um regozijamento divino
Limitando a fala a uivos e gemidos
Estando-nos como viemos ao mundo

Vai e vem, vem e vai
E grita-se e esperneia-se
E transforma-se a arte poética em sólida

E no ato de entrar e sair, de gemer e suar
De amar e ser amado
Cria-se a poesia


Leia também
" Amar é" há 8 horas

Amar e como voar, no mais azul dos céus. É sentir a sensaçao de estar n...
joaodasneves Poesias 7


PAU DE FITAS há 13 horas

PAU DE FITAS Dançam as raparigas cá em roda D'um mastro d'onde fitas ...
ricardoc Sonetos 5


PAU DE FITAS há 13 horas

PAU DE FITAS Dançam as raparigas cá em roda D'um mastro d'onde fitas ...
ricardoc Sonetos 5


Falta de Amor ao Próximo há 17 horas

A razão de viver é amar... Mas a maioria das pessoas vive o amor ao din...
a_j_cardiais Poesias 37


Amor a Deus x Amor ao Mundo há 18 horas

Nos dias do autor não havia automóveis como os luxuosos que existem em no...
kuryos Artigos 8


A Origem e a Razão de Ser de Tudo há 23 horas

Deus não criou todas as coisas para depois intentar formar uma Igreja. Ao...
kuryos Artigos 16