Meu pensamento

Invade a memória

Resgata algo

Que não sei definir

Apenas algo bom, sinto

Faz-me calmo e sereno

Não percebo o tempo

Nem os problemas

Nada, nada me aflige

Nessa gaveta esquecida

Estou ao fundo

Numa escuridão de luz

Onde tudo se reduz

Ao um refletir profundo

Do ser com o outro

Do ser com o mundo...

Marlon Costa

Natal/RN, 27.02.2013