Simplesmente sinta

29 de Novembro de 2013 Crislambrecht Poesias 253

Simplesmente respire o ar puro da confiança na natureza

Sinta a neblina da lua, sinta as estrelas perfurarem-te

Sinta a energia do sol enfraquecer-te, e se fortaleça

Sinta a paz ao observar pequenos pássaros refrescarem-se

Sinta a satisfação de ouvir o aplauso das folhas ao vento

Sinta toda a calma das nuvens transformando-se e seguindo

O

Seu

Caminho.

Esse texto está protegido por direitos autorais.
Cópia, distribuição e execução são autorizadas desde que citados os créditos.

Leia também
Janela Para o Amor há menos de 1 hora

Abra sua janela para o Amor... Não o amor de um só. O Amor de um sol, ...
a_j_cardiais Poesias 20


Desconstruções há menos de 1 hora

Minha vida muitas vezes fica tão distante dos meus poemas... Quando as c...
a_j_cardiais Poesias 19


"Amiga cadeirante" há 1 hora

Vi alguém que me fez chorar, Enquanto eu passeava a beirinha mar, Ela ar...
joaodasneves Homenagens 4


"A felicidade és tu" há 2 horas

Nada mais bonito Que olhar as estrelas E ver-te a Ti Sentir a brisa da n...
joaodasneves Poesias 5


"Adoraria" há 9 horas

Eu adoraria mesmo era saber! Se realmente não sentes mesmo nada? Se não...
joaodasneves Poesias 8


"Teolenny" há 19 horas

Tu um dia foste meu amor. Eu te amei como nunca tinha amado. Onde juntos ...
joaodasneves Acrósticos 6