Até quando? - poesia em três línguas

18 de Janeiro de 2014 duilio duka Poesias 184

ATÉ QUANDO?


os políticos fazem promessas
e o povo já não acredita mais


os governos arrocham o salário,
desviam o dinheiro público,
aumentam taxas e impostos,
corrompem e deixam-se corromper
e o povo já não agüenta mais!


os políticos governam
e o povo...


ah! o povo!...


continua não acreditando
e não agüentando mais!


(Duilio Duka de Souza Zanni)


__________________________________


¿HASTA CUÁNDO?


los políticos hacen promesas
y gente ya no cree más


arrocham de los gobiernos el sueldo,
desviar dinero público,
aumentar los impuestos,
corruptos y son corrupto
y la gente ya no tiene más!


los políticos que gobiernan
y gente... ah! la gente!...


todavía no creer
y no teniendo más!


(Duilio Duka de Souza Zanni)


___________________________________


UNTIL WHEN? 


politicians make promises
and people no longer believes more


Governments arrocham the salary,
divert public money,
increase taxes,
corrupt and allowed to corrupt
and the people no longer believe more! 


politicians govern
and people...
ah! the people! ...


still not believing
and not take it anymore!


(Duilio Duka de Souza Zanni)
____________________________________

Esse texto está protegido por direitos autorais.
Cópia, distribuição e execução são autorizadas desde que citados os créditos.

Leia também
Hebreus 3 - Versículos 7 a 11 – P 6 há 2 horas

John Owen (1616-1683) Traduzido, Adaptado e Editado por Silvio Dutra ...
kuryos Artigos 8


Hebreus 3 - Versículos 7 a 11 – P 5 há 2 horas

John Owen (1616-1683) Traduzido, Adaptado e Editado por Silvio Dutra ...
kuryos Artigos 5


Hebreus 3 - Versículos 7 a 11 – P 4 há 2 horas

John Owen (1616-1683) Traduzido, Adaptado e Editado por Silvio Dutra ...
kuryos Artigos 5


"Chorar por um amor" há 10 horas

Quando conquistamos um amor, e o nosso coração chora, não há ningué...
joaodasneves Poesias 10


"tantas vezes" há 10 horas

Tantas vezes sou o homem mais forte do mundo Outros sou o mais fraco, si...
joaodasneves Poesias 10


"Naveguei" há 18 horas

Naveguei entre mares, e tempestades, ninguém me acompanhou, Meu sofriment...
joaodasneves Poesias 11