A vida está desaparecendo
Diante da escuridão que se aproxima
Escavando a mesma cova todos os dias
Me perco dentro da minha própria escuridão.

Eu criei meu destino, criei minha escuridão
As trevas está me encorbertando
Está me levando ao fim para me libertar
Não há nada a oferecer...

Tento acordar, mas não reajo
Penso que já é tarde demais para me salvar
Eu fui o que eu era mesmo
Não consigo mais pensar
A morte tomou o meu lugar...