Meu nome é poesia.

Nasci de uma lagrima.

Me descobri em um sorriso.

Sou tristeza e alegria.

Meu nome é poesia.

Amante da noite.

Ficante da tarde.

Viva em seu dia-dia.

Meu nome é poesia.

Enquanto o amor acabava.

Você lamentava.

Eu crescia.

Meu nome é poesia.

Seu peito apertava.

Você corria da dor.

Eu me fortalecia.

Meu nome é poesia, é poesia.

Você fugia, o amor te chamava.

Você recusava, e eu morria...

Meu nome é poesia.

Vivo em um coração adoecido.

Protagonista de um amor esquecido.

Sobrevivente da noite mais fria.

Meu nome é poesia...