Mano Sapiens

30 de Abril de 2014 Sir Melhado Poesias 274

Nesse emaranhado de vozes

Existe uma fórmula de destruição

Ainda que sua cabeça é uma rocha

Permanecem fissuras, Como as de um canyon

Onde facilmente as águas deslizam lentamente.

.

Já  não mais importa a aparência de rocha

Oque importa? Nada importa!

Porque oque entra, não entra pela porta.

Não bate! Adentra, penetra, invade, se alastra se forma.

.

Não existe o absoluto, tudo esta suscetível agora.

È esse tudo que é nada, sabendo que no nada, se tem de tudo!

Inferno e céu, que ainda se diziam contrários

Se abraçam diante de sua montanha egoísta.

.

Partes e partes dos dois extremos fazem a diferença

Sem esteriótipos? sim claro, é de instinto.

E sendo assim, continuará a ser egoísmo alheio.

Se desprende e te acompanhe a passos largos.

Mas não se prende em outro!

.

Pois deixar que se despregue do cume

Descendo destruindo tudo oque havia sido construído

É de se esperar! é humano não é?

É imperfeito não é? é efeito de fábrica.

.

Sir Melhado

Esse texto está protegido por direitos autorais.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem permissão do autor.

Leia também
"Feliz...dia...de...São João" ... há 3 horas

Quem dera ir mais além, cantar mais alto Sobre esse chão salgado onde na...
joaodasneves Poesias 4


No Vento da Literatura há 4 horas

Gosto da poesia quando chega de surpresa... Pode não ter beleza, mas q...
a_j_cardiais Poesias 27


Bendito Amor Eterno há 1 dia

Quando pensamos que Jesus disse que todo aquele que lhe foi dado pelo Pai, ...
kuryos Artigos 11


"Vendo" há 1 dia

Hoje vendo um corpo sem alma, e um extrovertido coração partido, uma ...
joaodasneves Acrósticos 7


"Te amo vinho tinto" há 1 dia

Tu meu querido vinho tinto, és e serás a minha inspiração, Ter o cop...
joaodasneves Poesias 9


Gradeados há 1 dia

O céu está logo ali, depois dessa janela enjaulada... Meu amor é qua...
a_j_cardiais Poesias 60