Sinto bloqueio em minhas palavras
Garganta sufocante
Rasgando meus pensamentos em pedaços inúteis
Gostaria que soubesse ler pensamentos
Seria menos doloroso para mim

Quero amar apenas pelos pensamentos
Pois, temo de sofrimentos e arrependimentos
Tento acreditar que o amor não é real
Mas quanto mais me indago,
Mais real ele se torna

Mesmo sendo palavras que nunca são ditas
Sendo uma canção que nunca é cantada
Não queria que a minha negritude tomasse conta de mim
Mesmo o amor sendo um mito
Necessito em torná-lo real
Para qual motivo?
Não há motivo.

Simplesmente,
Eu não sei o que dizer
Eu não sei o que fazer
Quando o amor bate em minha porta
As pancadas se tornam em tormentos
Que acabam me forçando a admitir
Que o amor é realmente real!