Um broto de manhã

02 de Maio de 2014 Sir Melhado Poesias 332

Bom dia calor pleno e luz brilhante!Apareceram tão tímidos no horizonte.Percorrendo com um renovo e uma imensa alegria..Os quatro cantos da terra...

.

Meus pêsames a que não possa sentir,A quem não possa ver... E a quem não queira.Toda tristeza de uma noite, toda dor,É quebrantada pela invasão do sorriso do sol.

.

As lágrimas de tristeza que caíram..E que foram platéia ao culto da ignorância em noite fria.Nesta manhã se transformaram em poças,em canais, em rios... Até o mar da felicidade.

.

Nem mesmo o vento, nem o tempo,Nada pode deter o que há de mais belo e puro.O amor atravessa barreiras a todo instante, lutas à todo momento,Sem se cansar, sem se deixar levar, sem apagar.

.

Abaixo desse céu azul, emergem risos e sorrisosNa felicidade desse novo amanhã que surgiu.Só resta agradecer à Deus e agradecer a vida.Pois o amanhã, não pertencerá a mim e nem a você.

.

somos donos do hoje, do agora, deste instante.E faço dele o mais feliz ao seu lado.Lado que amanhã é uma incerteza estar.Pois se não despertarmos com esse amor do sol.Dormiremos para sempre, na vaidade, no orgulho e na eternidade.

.

Sir Melhado 2014

Esse texto está protegido por direitos autorais.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem permissão do autor.

Leia também
Bendito Amor Eterno há 9 horas

Quando pensamos que Jesus disse que todo aquele que lhe foi dado pelo Pai, ...
kuryos Artigos 6


"Vendo" há 11 horas

Hoje vendo um corpo sem alma, e um extrovertido coração partido, uma ...
joaodasneves Acrósticos 6


"Te amo vinho tinto" há 14 horas

Tu meu querido vinho tinto, és e serás a minha inspiração, Ter o cop...
joaodasneves Poesias 7


Gradeados há 14 horas

O céu está logo ali, depois dessa janela enjaulada... Meu amor é qua...
a_j_cardiais Poesias 48


Vida Artística há 14 horas

Não quero viver ao Deus dará... Sei que aqui, em se plantando tudo dá....
a_j_cardiais Poesias 38


"Eu sou boémio" há 14 horas

Eu em criança já era rebelde e um pouco vadio. Usufruía da noite, mesm...
joaodasneves Acrósticos 4