Entrelaçado em amor

Amei pela primeira vez...

Quando ela me olhou

Mias humano me tornei.

Se tudo que eu imaginasse

Se tornasse tão lindo assim

Como o seu olhar fixo em mim

Não seria necessário

Levantar outra prece.

Se o que eu sempre esperava

Encontrei em um segundo

Trouxe-me cheio de amparo

Ao desamparável mundo.

Uma química tão linda

Um amor tão contagiante

Por essa razão, naquele instante

Pela primeira vez amei a mulher da minha vida.

Não se encontra outra assim

Nem se encontrará com tanto vapor

Aquela que fez sacrifícios por mim

E pelo que sentia: amor.

Seu colo que vem relembrar

Aquilo que queria imaginar

E meus sonhos infantis

Foram embalados

E fortalecidos na raiz

Por alguém que permanecera ao meu lado.

Mãe sempre existiu

E sempre existirá

Não importa se não está mais aqui

Mesmo assim, sozinhos não vamos ficar.

Tem gente que tem duas mães,

Tem gente que tem uma só,

Alguns, já têm a Mãe Natureza

Que acalanta a todos que estão ao redor.

Um amor assim, nunca vi,

Não estou esperançoso em encontrar

Único e inigualável assim

Só a mãe, sabe dar.

Simon-Poeta em homenagem a todas as mães.