“Fiel é esta palavrae digna de toda a aceitação;que Cristo Jesus veio ao mundopara salvar os pecadores,dos quais sou eu o principal;”(I Tim 1.15)Como poderia um crente,verdadeiramente transformadoe instruído pelo Espírito Santo,fazer acepção de pessoasquanto especialmente ao convitepara a salvação do evangelho,que deve ser feito a todos,conforme lhe foi ordenadopor nosso Senhor Jesus Cristo?Afinal, não conhece a verdadede que qualquer homemque venha a se converter a Cristoterá que ser perdoado de muitose até mesmo, em certos casos,de horrendos pecados?Não sabe o crente,transformadoe bem instruído pelo Espírito,que ele próprio está enquadradona condição de pecadornaturalmente disposto e inclinadopela carnea transgredir as ordenanças de Deus?A natureza humana estáem completo conflitoe incompatibilidadeem relação à vontadesanta, perfeita, boae agradável de Deus.Então, ao evangelizarOs que necessitam de salvação,não terá preconceitos,discriminaçõese qualquer tipo de barreiraem relação a eles,em razão de seremou terem sido praticantesde pecados abomináveis,ainda que isto não signifiqueque estará em comunhão espiritualcom tais pessoas ou aindaque aprove as coisasque elas praticame que são abomináveis para Deus.Todavia, apesar de não ser toleranteem relação ao pecado,o crente não o seráem relação às pessoas dos pecadoresporque sabeem sua própria experiência,pecador que também é,embora redimido,justificado e santificadoem relação ao pecado,por causa de Jesus Cristo,que o pecado não será vencidopor se perseguirou desprezar os pecadores,mas por se converteremao amor de Cristo, pela féque é segundoo evangelho verdadeiro.