Diga-me quais são os meus verdadeiros defeitos, e as minhas verdadeiras qualidades.
Mostra-me o lado que eu ainda não conheço dentro de mim.
Fale-me quais são meus gostos, desgostos, prazeres e desprazeres.
Faça-me acreditar que depois de tantos desbarates, eu ainda sirvo pra amar.
Conte-me um segredo meu, que eu ainda não fui capaz de descobrir.

Desvenda-me.