Há um sonho suspenso,
uma idéia que não veio à luz,
Um projeto abstrato, incompleto,
um suspiro que a dor não produz.

Um desejo que não tem sabor
uma flor de aroma sem sais
Uma pedra à beira da estrada,
uma espada de lados iguais..

À distância do mar e da praia,
uma arraia que pica os mortais,
Há um sonho suspenso na noite, q
ue o açoite do vento levou...

Hoje penso que não sou humano,
sou a sombra da flor que murchou.