NOVE DE AGOSTO

09 de Agosto de 2017 RicardoC Prosa Poética 64

NOVE DE AGOSTO

Hoje acordei, como diz o outro, virado no diabo: Olho e vejo tudo errado!

A raiva que brota dentro de mim diante do espetáculo trágico do mundo me agita até o limite. Bato e apanho sem sentir dor, anestesiado pela adrenalina que me desritma o coração. De facto, a violência pode ser um estado de espírito...

Não posso parar. Se parar, eu morro.

Onde está o erro, então, no mundo ou em meus olhos? Sou tentado a acreditar que, mesmo sendo eu humano e fraco, o mundo tem injustiças suficientes para justificar tanto ódio. No final das contas, todas as atrocidades fazem sentido.

Como não poderia ser absurdo um mundo criado por um Deus onipotente entregue a bilhões de serzinhos egoístas que passam a vida lutando para permanecer vivos? E que o fazem uns em detrimento dos outros?!

Estou cansado de esperar pelo melhor. Minha vida não dá um romance e eu não sou uma personagem conduzida por um escritor fantasma. O teatro do mundo é um palco caótico e artificial no qual indivíduos buscam a felicidade. Aliás, buscar a felicidade com tantos infelizes à volta parece uma ilusão coletiva mantida por mídias criadas para entreter. Nada mais.

Não serei o autor de novelas exemplares ou de historietas moralizadoras. Não escreverei sobre esperanças que eu mesmo não possuo apenas para alimentar a fé dos crentes. Não especularei sobre a natureza de Deus enquanto eu contemplo diariamente o absurdo criminoso que é a vida em sociedade. Não cabe a mim tornar digeríveis os frutos dessa terra exausta a uma multidão de famintos.

Já chega!

Betim - 2017

Esse texto está protegido por direitos autorais.
Cópia, distribuição e execução são autorizadas desde que citados os créditos.

Leia também
CORNÓPOLIS. há 2 horas

Em Cornópolis tudo é malandragem. Tudo termina em pizza, quando o sujei...
reribarretto Humor 26


um amor incondicional épico! há 18 horas

Quão linda estas hoje amada minha! Não, não fale nada, aprecie o mome...
diannahgomes Mensagens 12


Tentando há 18 horas

Estou mantendo-me de pé por questão de escolha, pois por tudo que sucede ...
diannahgomes Pensamentos 12


pensamentos há 18 horas

Eu não preciso nem fechar os meus olhos que eu te vejo, Que eu te sinto, ...
diannahgomes Poesias 10


SOU PRA VOCÊ... há 2 dias

SOU PRA VOCÊ... Sou pra você mais do que mereço Você sempre atent...
seldaantunes Poesias 56


Rouba-me! há 2 dias

Rouba-me! Surge assim do nada e rouba-me! Rouba-me meu amor e ainda...
seldaantunes Poesias 42