Vou vivendo ao som da última melodia que compus,

Navegando entre ritmos, acordes e pausas.

Vou pulando de escala em escala.

Ora menor ora maior,

Em meio as lágrimas que me silenciam.

Como a pausa máxima.

Vou mudando o meu compasso descompassado, 

Quaternário, Ternário, binário, 2 a 2, 1 a 1, 1... 0...

Assim vou, ao ritmo da síncope do meu coração,

Largo amarelo ao imaginar-te.

Allegretto pink ao sentir-te.

Vivo arco-iris ao ver-te

Azul roseado sustenido menor ao ver-te tão distante.

Você Mezzo esverdeado.

Ou cinza menor como a minha dor.

Roxo diminuta como a indecisão indefinidamente indecisa.

Vemelho maior como a minha vergonha.

Triste 6/8

Vivo entre sons e cores, que me elevam a você. 

Relembrando a ultima canção.

Relembrando as cores, sabores, sensações... [boca]

Relembrando, Revivendo, Ressentindo, Sentindo Sentido, Vida.

Em tom maior.

Silêncio...

Assim vou vivendo em meio a sons e cores e uma constante lembrança.

...Você...MÚSICA minha eterna PAIXÃO...