No ritmo da vida

30 de Maio de 2014 Giulia Sadi Prosa Poética 388

E a doce melodia que invade meu quarto todas as manhãs, por um tempo fez-se ausente. Voltou a tocar suave no pé do meu ouvido para me acordar. Melodia que embala meu coração e conduz minha alma. Agora eu a acompanho, já aprendi as notas e decorei os passos, já sei tocar nessa banda.


Leia também
Pelo Espírito há 2 horas

Nada do que Jesus cita no Sermão do Monte nos capítulos 5 a 7 do evangelh...
kuryos Acrósticos 4


A Linha da Vida há 4 horas

O futuro é daqui a pouco, mas talvez não possamos vê-lo. A vida é com...
a_j_cardiais Poesias 26


Obedecendo o Vento há 18 horas

As folhas caem, e eu quero falar sobre isso, sem me preocupar com o feiti...
a_j_cardiais Poesias 36


"Verão na Europa" há 21 horas

Hoje começou o verão Mas todos os dias, são dias de verão O verão na...
joaodasneves Poesias 8


"Maria Emília" há 22 horas

Meu amor Antes de tu nasceres Raramente eu pensava em ti Iria com o pass...
joaodasneves Acrósticos 8


"Sou" há 23 horas

Sou o livro sem palavras Sou a historia por contar Sou o céu sem estre...
joaodasneves Acrósticos 10