Quem Te Viu E Quem Te Vê

27 de Julho de 2011 Miguel Angelo Redações 1177

Tema – Construção das imagens na reflexão do pensamento humano. (Fuvest – 2006)

A forma como são colocadas as imagens em nosso cotidiano, as imagens dos noticiários, por exemplo, estão diretamente relacionadas com a construção do pensamento social. Como já diz um famoso ditado popular; “Só acredito vendo.” Bons exemplos disso são as imagens que, manipuladas, justificaram o massacre de Eldorado dos Carajás em 1996, a derrota de Luis Inácio Lula Da Silva nas corridas previdências de 1989, ou ainda o retrato de Ernesto “Che” Guevara com seu olhar distante e ruidoso no momento em que Cuba estava sendo invadida pelos Estados Unidos, está foto é a mais estampada em camisetas e ao mesmo tempo é o símbolo da revolução no mundo.
Mas as imagens estão além do material. Quando Carl Gustav Jung decidiu que deveria largar a livre docência como psiquiatra, justificou que como não acreditava que um sentimento como o amor não poderia ser apenas uma secreção ganglionar perdia o sentido lecionar. Este, através de suas pesquisas filosóficas e psicológicas, descreveu a construção dos símbolos no plano inconsciente, ou seja, transportar pensamentos concretos do plano imaterial para um plano material. Jung ajudou o mundo a compreender como a vida está além do que é tangível e está no âmago da humanidade como Deus, o amor ou uma obra que ainda não foi escrita ou pintada.
Como forma de expressar a relação da humanidade na intervenção aos conceitos supra-citados Guimarães Rosa parece um ótimo exemplo, pois em Grande Sertão: Veredas, além da visão superficial do sertão existe a visão do homem sertanejo ao que o cerca, existe um diálogo entre conceito fechado (denotativo) e aberto (conotativo) onde o homem é o ambiente assim como o ambiente é o homem.
Vimos, portanto, que as imagens, em suas vastas facetas, são o resultado da inter-relação da humanidade com seu próprio inconsciente como também de uma pessoa para outra que enxerga a toca o que em outro momento foi uma abstração do pensamento alheio. O poder da imaginação é o combustível da evolução do pensamento racional.

Miguel Angelo Sena Da Silva Junior

Esse texto está protegido por direitos autorais.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem permissão do autor.

Leia também
"Feliz...dia...de...São João" ... há 1 hora

Quem dera ir mais além, cantar mais alto Sobre esse chão salgado onde na...
joaodasneves Poesias 4


No Vento da Literatura há 2 horas

Gosto da poesia quando chega de surpresa... Pode não ter beleza, mas q...
a_j_cardiais Poesias 27


Bendito Amor Eterno há 22 horas

Quando pensamos que Jesus disse que todo aquele que lhe foi dado pelo Pai, ...
kuryos Artigos 11


"Vendo" há 1 dia

Hoje vendo um corpo sem alma, e um extrovertido coração partido, uma ...
joaodasneves Acrósticos 7


"Te amo vinho tinto" há 1 dia

Tu meu querido vinho tinto, és e serás a minha inspiração, Ter o cop...
joaodasneves Poesias 9


Gradeados há 1 dia

O céu está logo ali, depois dessa janela enjaulada... Meu amor é qua...
a_j_cardiais Poesias 60