Batman: The Dark Knight Rises

24 de Abril de 2014 Maroni Resenhas 1217

AVISO AOS NAVEGANTES: ESTÁ RESENHA É DESTINADA A QUEM JÁ ASSISTIU AO FILME.

Alguém já notou que a grande maioria dos artistas, das mais diversas áreas, atinge seu pináculo uma vez na vida e suas obras posteriores sempre são analisadas a partir da obra prima? Pois Batman – The Dark Knight Rises… torna a “regra” acima citada bem concreta. A bola foi alçada tão alta em Dark Knight que não conseguiu ser mantida naquele patamar.

O filme é bom, com certeza o segundo melhor da trilogia, mas apenas isso.  Caberia perfeitamente como uma sequência imediata   de Batman Begins e não deDark Knight. O filme finaliza o história iniciada no primeiro, fazendo com que Dark Knight seja praticamente deixado de lado no contexto geral, sendo que a única real referência que há dele é Harvey Dent e o seu “legado”.  Para este que vos escreve, o roteiro deixou muito a desejar neste aspecto e em outros que serão explanados a seguir.

Estou muito exigente com o roteiro?  SIM! Pois no intervalo entre o segundo e o terceiro filme joguei dois jogos excelentes, Batman Arkham City e Batman Arkham Asylum nos quais o roteiro, em seu eixo central  acaba sendo superior ao do terceiro filme. Sofri influência de outra mídia e acho isso positivo.

 Temos pontos positivos no filme.  A direção de Nolan é sempre competente. Christian Bale está bem como em todos os outros filmes. Bane convence como vilão troglodita ,mesmo sob a sombra do magistral Coringa do filme anterior.  Selina Kyle também é competente, até porque deram um enfoque bem diferente daquele de Batman Returns para sua personagem. Já Talia al Ghul quando revelada se mostra ridiculamente caricata. Vide sua morte a la cinema mudo.

  Problemas com The Dark Knight Rises? Talvez a história tenha mais buracos que um  X9 do PCC. Cada espectador, atento, encontrará os seus. Vai ser quase o jogo dos 7 erros, ou mais de 7.   Pequenos problemas são totalmente aceitáveis, qualquer filme possui e são compreensíveis, mas quando as coisas tomam proporções estúpidas… bem daí não dá mesmo.

Vou me referir a uma cena para defender meu argumento: “Todos” os policiais de Gotham entram fortemente armados nos esgotos da cidade para acabar com os vilões.  São subjugados facilmente por explosões, e trancafiados nos túneis por meses, recebendo alguma comida da “resistência” da superfície. OK até aqui, mas daí ocorre o óbvio:  a liberação do cárcere.   Todos  saem muito bem nutridos, barbeados e ultra dispostos à luta física( já que suas armas sumiram… devendo ter sido comidas por ratos nos esgotos). Um belo  momento  de se sentir um completo idiota no cinema e seu cérebro fazer um link  imediato ao seriado do Batman dos anos 60. Sim, aquele do POW… CRASH… SOC. E cai por terra toda aquela aura de que esta trilogia era absurdamente perfeita. Reveja os três filmes com um olhar crítico, e não usando sua cueca do Batman, para assim tentar atingir algum grau de imparcialidade.

Eu teria mais um pedido aos senhores roteiristas: Podem parar de escrever o mesmo final “Herói se sacrifica para impedir explosão atômica”.  Ano passado ocorreu em Capitão América, este ano em Os Vingadores. E mesmo assim escrevem aqui um  final praticamente IGUAL??? DEU!

Christopher Nolan criou a melhor adaptação de Batman já feita para o cinema. Ele não criou o melhor filme do mundo, como alguns fãs esquizofrênicos acham. Caso você se inclua nesse grupo demente, por favor, procure ajuda médica, troque as fraldas,  e tente aprimorar sua bagagem cinematográfica, pois fica evidente que é a mesma da de uma criança de 8 anos.

Esse texto está protegido por direitos autorais.
Cópia, distribuição e execução são autorizadas desde que citados os créditos.

Leia também
Lembra? há 2 dias

Quando o tempo nós pertencia dia e noite não existiam? Quando ainda...
enidesantos Poesias 21


Principio há 2 dias

Toda a humanidade repelida da perfeição Privada da perspectiva da ...
enidesantos Poesias 13


Viandar há 2 dias

Viver e caminhar eu gosto de tudo que a vida me da Gosto de viver e ...
enidesantos Poesias 11


Fluxo do tempo. há 2 dias

Boca devoradora do tempo que tudo vai apagando varrendo da vida todo o en...
enidesantos Poesias 14


Sou há 2 dias

o que quero e onde quero Meu palco é a vida Dela faço brotar o pr...
enidesantos Poesias 12


Ame...! há 2 dias

Apenas ame Não se infecte de amor Infecte-se de vida Queira vida D...
enidesantos Poesias 11