Dos meus passados amores
Saudade sentindo eu ando,
Até dos que causaram dores
Por eles me pego chorando.

Saudade vem em pranto brando
Como perfume de muitas flores
Dos meus passados amores,
Saudade sentindo eu ando.

Saem de minh’alma os calores,
E em cada poro vai semeando
Os desejos avassaladores
De no corpo ter as mãos vagueando
Dos meus passados amores.

15/02/07.