O Que é esse fenomêno ?

15 de Setembro de 2011 Eduardo Zagatto Sonetos 470

Não há ninguém que defina o amor
Mas a muitos que o proclamam
Amor tem a bravura de enfrentar aquilo que nós temamos
Tem o poder de alterar corações errantes
Podes fazer com que a luz ilumine a escuridão
Não pode salvar uma pessoa, mas pode muda-la
Mostra saídas e supera obstacúlos
Mas um amor mal vivido
Tem tudo a acabar e não prosperar
Se há maturidade, isso pode mudar
O Que é o amor afinal ?
Não sei e não a ninguém que saiba
Apenas a quem proclama
E quem desama


Leia também
"Posso ser o poema" há 2 horas

Barcos que navegam, ao luar, as imensas ondas do mar até as nuvens lá n...
joaodasneves Poesias 4


"Vi em ti" há 10 horas

Em ti eu vi o sol, o mar senti o vento aprendi a viver, soltei o sentime...
joaodasneves Poesias 5


"Tenho" há 11 horas

Tenho amor para dar Paixão para receber Sei perdoar, mas não posso esq...
joaodasneves Poesias 8


"Queria ser o mar" há 11 horas

Queria tanto ser o mar Te abraçar com as minhas ondas Te desejar na arei...
joaodasneves Poesias 6


"Coração chora" há 15 horas

Ouço vento, as trovoadas estão-se a aproximar raios de sol a queimar a m...
joaodasneves Poesias 6


Dor e Reflexão há 1 dia

A dor que nos vem, e que achamos que é do nada, às vezes é do além. ...
a_j_cardiais Poesias 45