O que todo mundo diz.

05 de Setembro de 2017 Elisergiopoeta Sonetos 55

Eu não sei qual a frequência,
Mas presumo ser muito tarde.
Essas minhas crises de saudade,
De tudo que eu ainda não vivi...

Fazem de mim um ser carente.
O eterno poeta e imprestável!
Há quem diga otário, o infeliz.
É que se não fosse a ausência,

E do meu corpo essa morte...
Talvez eu pudesse ter a sorte,
De falar o que ninguém diz.

Mas não há quem se compadece!
Sou apenas um cara que escreve,
Sobre coisas que todo mundo diz.

NUNES, Elisergio.

Esse texto está protegido por direitos autorais.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem permissão do autor.

Leia também
SETE ESTROFES INCONDICIONAIS há 3 horas

SETE ESTROFES INCONDICIONAIS não importa que me tomes ...
ricardoc Cirandas 9


A PROFECIA há 11 horas

Andava tranquilamente pelas ruas da cidade, de calça jeans e camisa branca...
juniorcampos Prosa Poética 10


LINDO BRILHO há 11 horas

Ontem olhei para o céu, brilho forte das estrelas, lembrou-me teus ol...
juniorcampos Poetrix 7


TRAQUINAS há 2 dias

TRAQUINAS Dizia o pai de seu pai: -- "Deixa esse menino ser criança!" ...
ricardoc Poesias 18


Padrãozinho na Sociedade. há 2 dias

Apenas mais uma despercebida na sociedade, anda pelas ruas solitárias de S...
baecchin Pensamentos 21


Cortinas Do Tempo há 2 dias

Abriu se a cortina do tempo E o sol da minha vida começou brilhar Diante...
tonyramos Letras de Música 11