PARALAXE

04 de Dezembro de 2017 RicardoC Sonetos 15

PARALAXE

A depender do seu ponto de vista;
Seja mais à direita ou mais à esquerda,
O indivíduo vê mais ou menos perda
Dentro da ordem social capitalista.

Entretanto, à medida que ele insista
Em superar os velhos padrões que herda
Ver-se-á como um estúpido de merda,
Que da verdade ainda muito dista.

Tem-se diante dos olhos realidades
A mudar em função das perspectivas
A despeito de vãs perplexidades.

Há-que se fazer leituras pensativas,
Sob pena de só ver pelas metades
Um mundo dividido em cores vivas.

Betim - 04 12 2017

Esse texto está protegido por direitos autorais.
Cópia, distribuição e execução são autorizadas desde que citados os créditos.

Leia também
DE RENOME há 10 horas

DE RENOME De certo, alguém que não eu, N'um lugar que não aqui, Viv...
ricardoc Sonetos 6


EM LARGA MEDIDA há 20 horas

EM LARGA MEDIDA Duvido porque penso, não por cético. Há-que se quest...
ricardoc Sonetos 10


ALJÔFAR há 2 dias

ALJÔFAR Cintila sobre a face embevecida Essa lágrima só de maravilha...
ricardoc Sonetos 8


UM GULOSO CEGO NO CABARÉ há 2 dias

O homem chega no cabaré e a dona do brega oferece: -Tenho uma mulata e um...
reribarretto Humor 41


EM GRUPO há 2 dias

EM GRUPO Ser mais um entre muitos ou não ser? Eu, para bem ou mal, me ...
ricardoc Sonetos 17


CICATRIZES há 3 dias

As lágrimas não mais caiam, Pois já era um outro dia, Mas, ainda exist...
juniorcampos Indrisos 20