Mesmo que

07 de Novembro de 2013 Samuel Henrique Sonetos 477

Para trás estamos andando


Cada vez, mais nos afastando.


Desse jeito, uma coisa eu sei:


Tu sairás do meu pensamento




Contudo, no entanto,


Talvez aquelas lindas memórias, esquecerei.


E quando te ver, não voltar ao meu sofrimento


Do amor sem encanto




Mesmo falando tudo isso contigo,


Gosto de estar com você, me faz feliz.


Por isso, quero ser seu amigo.




Ah!  Não vá embora!


Que exista em muito tempo a nossa amizade


Que seja um dos motivos da minha e sua felicidade.




Samuel Henrique

Esse texto está protegido por direitos autorais.
Cópia, distribuição e execução são autorizadas desde que citados os créditos.

Leia também
Lembra? há 1 dia

Quando o tempo nós pertencia dia e noite não existiam? Quando ainda...
enidesantos Poesias 13


Principio há 1 dia

Toda a humanidade repelida da perfeição Privada da perspectiva da ...
enidesantos Poesias 10


Viandar há 1 dia

Viver e caminhar eu gosto de tudo que a vida me da Gosto de viver e ...
enidesantos Poesias 10


Fluxo do tempo. há 1 dia

Boca devoradora do tempo que tudo vai apagando varrendo da vida todo o en...
enidesantos Poesias 11


Sou há 1 dia

o que quero e onde quero Meu palco é a vida Dela faço brotar o pr...
enidesantos Poesias 10


Ame...! há 1 dia

Apenas ame Não se infecte de amor Infecte-se de vida Queira vida D...
enidesantos Poesias 8