Como poeta sou observador
Como observador sou detalhista
Pois são grandes só detalhes
Pequenos da vida.Ah como são.

Me inspiro com um olhar quente
Me apaixono por uma voz doce
Me emociono com palavras belas
Mas as uso como se não fossem.

Tenho sensibilidade,e amor no
Coração não adianta vaidade
Porque a beleza é sem noção.

Sou poeta por amor,por gostar
E também por ela,e minha vida
Sempre será assim...Eu poeta!