A Rosa

22 de Janeiro de 2014 Pr CJJacinto Sonetos 285

Faz tantos anos que recebi de Deus uma rosa

que tanto floresceu no meu aconchegante jardim

rosa que de espinho se aflora, em mil rosas

flor que de perfume nasceu pra mim


Faz tanto tempo e a rosa continua rosada

vertendo vida esperança e mil fragrancias

como um calice de vida derramada

navega nos castiçais dessa possante constancia


A roseira que tanto a mim floresce

atada em perfumes que não se evanesce

coroa a vida de meus livres sentimentos


Rosa que reina e rainha que em mim reside

no meu campo e jardim, e por afetos decide

pra mim, a ancora da vida de sempre em momentos


Clavio Jacinto


Leia também
"O fim esta a chegar" há 6 horas

Alguma coisa na nossa casa não esta bem e eu já vi que tu pensas assim ...
joaodasneves Pensamentos 6


Calmaria das Horas há 8 horas

A vida me mostra um relógio... Luto contra o tempo. O tempo é longo mas...
a_j_cardiais Poesias 26


Prazeres Desalmados há 8 horas

Tem gente que só se apraz em ganhar dinheiro... Mas essa gente o que faz...
a_j_cardiais Sonetos 18


GRECO-ROMANO - Des-História Universal há 17 horas

GRECO-ROMANO Os deuses se confundem nas histórias Dos povos que se fun...
ricardoc Sonetos 8


John Owen - Hebreus 1 – Versos 1 e 2 – P4 há 19 horas

John Owen (1616-1683) Traduzido, Adaptado e Editado por Silvio Dutra ...
kuryos Artigos 6


John Owen - Hebreus 1 – Versos 1 e 2 – P3 há 19 horas

John Owen (1616-1683) Traduzido, Adaptado e Editado por Silvio Dutra ...
kuryos Artigos 7