Passavam-se as vidas em sequência
Te encontrar sempre me fez viver
Te perdia em umas, achava em outras
Com a morte iniciando o viver

Provas intermináveis e difíceis
Nesse mundo de expiação
Ao me aproximar estava tu distante
Mas, sempre perto do coração

Antes de eu me aquietar
Havia um novo sofrer
Chegava a hora da dor d´alma

Tendo que me afastar de você
Até que pudesses voltar
Ou em outras vidas me ver.