• Acredite, eu sei como é, sei oque você sente, sei oque você esta passando... Quem sou eu ? Só mais uma pessoa qualquer, que vira outra com uma LAMINA na mão...
  •  Começou assim né? Um aborrecimento, e você faz um corte, até que um não esta satisfatório e você faz mais um mais um e assim vai, meus pulsos são todos marcados, cada corte eu carrego um sofrimento, uma dor, uma angustia, uma historia, primeiramente, não tenho minha mãe, as drogas tiraram ela de mim, por isso prefiro me corta ao em vez de me joga no mundão, meu pai é um guerreiro, e sofre muito com meu jeito, posso ser sincera? Se cortar não te faz idiota, e sim diferente, pois você prefere se ferir do que ferir uma pessoa que ama, as laminas com o decorrer de minha vida viraram minhas melhores amigas, e quando olham para meus pulsos e perguntam se doem eu dou um sorriso e digo "não" e sabe porque ? Porque os motivos doem mais, sofri muito com isso, quase tirei minha propiá vida, tenho alguns cortes até nas pernas, e foi assim que vive, cada corte uma dor cada dor um alivio e cada alivio uma gota de sangue, meu pai me indico ao um psicologo, me senti louca, um monstro, mais não! Lá fui amada , as pessoas me escutavam, me senti segura ! Hoje? Eu não me corto mais, so tenho lembranças... Marcas, mais e a vontade? Ahhh, isso é uma coisa que nem o tempo vai levar ...